p

Notícias da CMFI / veja na íntegra
 
29/09/2017 - 11:49
VIADUTO
Projeto do viaduto da BR 277 com Av. Costa e Silva foi apresentado na Câmara
Traçado prevê atendimento do fluxo de trânsito no local e mobilidade para pedestres e ciclistas
COMUNICAÇÃO/CMFI


A audiência pública que discutiu a construção do viaduto da BR 277 com a Avenida Costa e Silva, realizada na noite da última quarta-feira, 28 de setembro, na Câmara Municipal relatou o processo para construção do viaduto no local. O debate foi proposto pelo Vereador Dr.Brito (PEN).

O Secretário Municipal de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla explanou a respeito do projeto. “Esse projeto, que foi feito pelo Fundo Iguassu, hoje eu diria, que está bem encaminhado. A solução técnica é simples, a BR 277 no sentido em Cascavel, as pistas serão erguidas. Isso aumenta o fator segurança para os usuários. Essas interseções terão capacidade diária de atender mais de 50 mil veículos, hoje temos uma demanda nesse local de mais de 10.500 veículos/dia, daqui a 10 anos dobraremos o fluxo. Essa solução resolve o problema da entrada da cidade para no mínimo 30 anos. Vamos ter ciclovias dos dois lados, por baixo do viaduto”. Segundo Piolla, o que falta para o andamento do projeto é a parte do Instituto Ambiental do Paraná, órgão que emite licença ambiental, com base nos impactos ambientais e compensação. “Precisamos que o IAP nos responda o termo de referência para cumprirmos todos os requisitos”.

“Precisamos unir esforços em torno desta causa comum, que é a construção do Viaduto da Avenida Costa e Silva. A logística da nossa cidade perde com isso, nossa população sofre. A população não suporta mais essa situação, que assusta até nossos turistas, que são nossas principais fontes de recursos”, destacou o Vereador Dr. Brito (PEN). Ivo Valente, Professor e militante do Movimento por viadutos disse. “Acho que construímos um consenso de que essa obra era necessária. A meu ver, o problema foi negligência política. O exercício da cidadania é abrimos mão do nosso interesse individual em prol da coletividade”.

Jussier Leite, Secretário de Segurança Pública de Foz do Iguaçu, falou do impacto do fluxo de trânsito na área da segurança. “A cidade vai expandindo e impactando na segurança pública. Os acidentes de trânsito são os que mais afetam a área da saúde. Todos os usuários da via pública precisam ser contemplados”. Phelipe Mansur, “o viaduto já é uma realidade em Foz do Iguaçu. Vejo os Vereadores se mobilizando em torno da causa. Eu tenho procurado trabalhar muito próximo ao DER para que o processo ande. Precisamos agora cumprir os requisitos técnicos para que a obra seja licitada”.

A Vereadora Rosane Bonho (PP) também fez uso da palavra. “Fiz um requerimento solicitando, ao Governador, informações sobre a viabilidade para que tenha um redutor de velocidade no sentido Foz do Iguaçu/ Cascavel, nas proximidades do Hotel Rafain, onde acontecem muitos acidentes. Outro pedido, foi um semáforo na rotatória do CTG Charrua, até que se concretize esse viaduto na cidade”.

A parlamentar Nanci Rafain Andreola (PDT), destacou “essa luta é antiga, de todos que estão engajados, o nosso objetivo é que realmente saia, eu mesma estive várias vezes em Curitiba, buscando a realização disso para Foz, juntamente com o Governador e com o Prefeito Chico Brasileiro”. “Temos 12 espaços de reais necessidade de travessia em Foz do Iguaçu. Nem iluminação adequada temos nesta via. Temos necessidade de resolver alguns problemas que isolam bairros de Foz do Iguaçu, a região de Três Lagoas está isolada, por exemplo”, contribuiu o Vereador Celino Fertrin (PDT).




 
 
Tags da Matéria:   Câmara Foz; Viaduto; Avenida Costa e Silva; BR 277; Fluxo de Trânsito; Mobilidade
 

 
 

CNPJ: 75.914.051/0001-28
Sede: Travessa Oscar Muxfeldt, Nº 81- Centro. CEP: 85851-490 - Foz do Iguaçu - PR
Anexo: Rua Quintino Bocaiúva, Nº 610 - Centro. CEP: 85851 - 130 - Foz do Iguaçu - PR
Site Oficial da Câmara Municipal de Foz do Iguaçu
Responsabilidade: Diretoria de Comunicação

 
Horário de expediente – Segunda a sexta-feira, das 08h00 às 14h00
           
45 3521 - 8100   imprensacmfi@gmail.com